Aposentados e Pensionistas do INSS começaram a receber a 2ª parcela do 13º salário no dia 24 de novembro de 2017. Confira o calendário com as datas de pagamento.

Nos dias atuais em todo o território nacional existem milhares de aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social, o INSS. Este órgão criado pelo Governo Federal é responsável por cuidar de diferentes situações a respeito do trabalhador brasileiro, como: processos de aposentadoria; caso o indivíduo trabalhador tenha algum problema de saúde é através dessa instituição que ele vai receber o salário; processos de recebimento de remuneração para pensionistas e outros assuntos. Então qualquer anúncio feito pelo INSS interessa a uma grande parcela da população. E uma das últimas notícias envolvendo o órgão informou que os aposentados e pensionistas podem sacar a 2ª parcela do 13º salário a partir de sexta-feira, dia 24 de novembro de 2017.

O 13º salário é uma espécie de abono salarial de final de ano em que os empregados brasileiros recebem uma quantia de dinheiro a mais. Visto que o ano tem 12 meses. Esse benefício é concedido desde meados dos anos dos anos 60, mais precisamente em 1962, depois que as leis trabalhistas entraram em vigor nos anos 40 instituídas pelo então presidente Getúlio Vargas. Atualmente, esse valor é pago em duas parcelas. Geralmente, uma no mês de julho a agosto, ou seja, na metade do ano e a outra em dezembro para ajudar nas despesas do final do ano dos brasileiros.

Como nos últimos tempos, a 2ª parcela do salário do Instituto Nacional do Seguro Social os aposentados e pensionistas segue um calendário estabelecido pelo INSS. Neste cronograma, os primeiros a receber a parcela são os beneficiários que recebem até um salário mínimo e a sua inscrição no órgão termina em 1. Já os aposentados e pensionistas que recebem acima de um salário mínimo, vão ter o pagamento depositado na conta a partir da data de 1º de dezembro de 2017, isso para quem tem a inscrição terminada do número 1 ao número 6. Todos os pagamentos vão acabar de ser efetuados no dia 07 de dezembro de 2017, nesta data recebe quem não segue as regras acima, por exemplo, quem tem as inscrições terminadas no número 0 e recebe até um salário e para quem ganha acima do piso salarial e termina as inscrições em 0 e 5.

Essas informações citadas acima são exemplos de algum dos casos e os dias. Confira agora o calendário completo feito pelo Instituto Nacional do Seguro Social para os recebimentos:

Datas do pagamento da 2ª parcela do 13º salário para aposentados e pensionistas que recebem acima do piso salarial:

Final da inscrição 1 e 6: 1º de dezembro

Final da inscrição 2 e 7: 4 de dezembro

Final da inscrição 3 e 8: 5 de dezembro

Final da inscrição 4 e 9: 6 de dezembro

Final da inscrição 5 e 0: 7 de dezembro

Datas do pagamento da 2ª parcela do 13º salário para aposentados e pensionistas que recebem até o piso salarial:

Final da inscrição 1: 24 de novembro

Final da inscrição 2: 27 de novembro

Final da inscrição 3: 28 de novembro

Final da inscrição 4: 29 de novembro

Final da inscrição 5: 30 de novembro

Final da inscrição 6: 1º de dezembro

Final da inscrição 7: 4 de dezembro

Final da inscrição 8: 5 de dezembro

Final da inscrição 9: 6 de dezembro

Final da inscrição 0: 7 de dezembro

Lembrando que tem direito a este benefício os aposentados, obviamente, e os pensionistas das seguintes situações: mulheres que estão com licença maternidade; trabalhadores que estão afastados do emprego e estão recebendo auxílio de acidente ou doença; as pessoas que recebem o auxílio reclusão e por fim os beneficiários que recebem um salário devido a morte de algum familiar.

Para conferir essas e outras informações a respeito do pagamento da 2ª parcela do 13º salário pelo INSS, acesse o endereço eletrônico da Previdência Social: www.previdencia.gov.br.

Boa sorte!

Por Isabela Castro

Salário aposentados


Os idosos podem sacar o 3º lote do PIS-Pasep a partir do dia 27 de novembro de 2017.

O Governo Federal liberou na quinta-feira, dia 23 de novembro de 2017, os pagamentos de forma antecipada do 3º lote do Programa de Integração Social, o PIS e o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público, o PASEP para os idosos brasileiros que têm direito a esses benefícios.

Os aposentados, que neste caso são denominados cotistas aposentados, podem sacar o dinheiro desses benefícios no Banco do Brasil (para o PASESP) e na Caixa Econômica Federal (para o PIS) a partir de segunda-feira, dia 27 de novembro de 2017, quando começa os atendimentos nas duas instituições bancárias. Lembrando que para ter direito a esses benefícios, as mulheres aposentadas precisam ter acima de 62 anos e os homens acima de 65 anos de idade.

As leis trabalhistas no Brasil foram criadas nos anos 40, durante o governo do então presidente Getúlio Vargas. Como a maioria das nações dos mais diferentes continentes, em território nacional essas leis foram criadas para garantir que os trabalhadores brasileiros trabalhassem de forma digna, recebendo um salário justo e que tivessem os seus direitos garantidos. Além de funcionarem também, como uma espécie de cartilha para que empresas e patrões pudessem empregar as pessoas sem ter nenhum problema judicial por conta do vínculo empregatício.

Ao longo de todos esses anos, essas leis sofreram mudanças, algumas entraram em vigor, outras sofreram alterações e ainda teve aquelas que foram retiradas. E dois benefícios que foram criados ao longo de todos esses anos foram o Programa de Integração Social, o PIS e o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público, o PASEP, dois tipos distintos de abono salarial. As informações divulgadas anteriormente sobre o pagamento desses dois benefícios davam conta que eles só seriam depositados nas contas dos aposentados brasileiros a partir do dia 14 de dezembro de 2017.

Para os aposentados cotistas que tiverem conta no Banco do Brasil ou na Caixa Econômica Federal a retirada do pagamento pode ser feita direto, já que o benefício é creditado na conta pessoal do aposentado. Caso o aposentado que tenha direito a esses benefícios e não possuam conta em nenhuma das instituições bancárias precisa fazer outro tipo de procedimento para ter direito ao valor concedido por este benefício. No Banco do Brasil onde se recebe o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público, o PASEP, por exemplo, o beneficiário precisa ir a uma das agências do BB e fazer uma consulta do saldo em sua conta. Após isso, ele precisa fazer uma transferência bancária para a conta pessoal que possui, pode ser a conta de qualquer outro banco.

Para os beneficiários do Programa de Integração Social, o PIS, a primeira informação que precisa ter é qual a quantia que eles vão sacar. Por exemplo, se o valor for de até R$ 1.500,00 essa quantia pode ser retirada através do número gerado pela Senha Cidadão, o valor é retirado em qualquer caixa eletrônico de saque da Caixa Econômica Federal. Agora, se o valor for entre R$ 1.500,00 e até R$ 3.000,00, o beneficiário precisa possuir o Cartão do Cidadão e logicamente a sua senha. O terceiro caso é se o valor for acima de R$ 3.000,00. Neste caso, o aposentado precisa ter uma conta na Caixa Econômica Federal, ela pode ser conta corrente ou poupança, já que nesta situação, o pagamento é depositado direito na conta.

Se você não tem certeza que possui direito a um dos dois abonos salariais e quer consultar essas informações. É muito simples basta comparecer pessoalmente em uma das unidades da Caixa Econômica Federal ou do Banco do Brasil. Existem funcionários nessas duas instituições para esclarecer as dúvidas.

Boa sorte!

Por Isabela Castro

Pis para idosos





CONTINUE NAVEGANDO: